ÚLTIMAS NOTÍCIAS / Eventos

CRAS programa atividades para o Dia Internacional da Mulher

Quinta-feira, 03 de março de 2016


Para marcar as comemorações do Dia Internacional da Mulher, 8 de março, a Prefeitura Municipal de Mandaguari por intermédio do CRAS – Centro de Referência da Assistência Social -, vai realizar a campanha socioeducativa “Um Dia Destinado a Elas”.

O objetivo do evento é o sentimento de valor e pertencimento das mulheres, buscando integrá-las e fortalecê-las tanto social quanto psicologicamente, bem como possibilitar o aumento de sua autoestima e o despertar para uma vida saudável.

A programação para o dia 8 de março contará com uma tarde de lazer no Centro de Convenções Décio Bacelar, das 14h00 às 17h00, oportunidade em que as mulheres terão a disposição os serviços de cabeleireira, design de sobrancelhas, manicure e pedicure.  Além de tudo isso, um profissional da dança estará à disposição para ensinar ritmos musicais para as participantes do evento.

As atividades serão direcionadas para as mulheres que participam dos serviços socioassistenciais do município, como usuárias do CRAS, CREAS, Espaço Conviver, AAPIM, AMIM e APAE.

Na mesma tarde, representantes do Conselho da Mulher de Mandaguari, farão uma visita as detentas da Delegacia de Polícia Civil do município, quando estarão dialogando com as mulheres, possibilitando o fortalecimento do trabalho de inclusão social, que é uma das principais missões do CRAS.

O Dia Internacional da Mulher e a data de 8 de março são comumente associados a dois fatos históricos que teriam dado origem à comemoração. O primeiro deles seria uma manifestação das operárias do setor têxtil nova-iorquino ocorrida em 8 de março de 1857 (segundo outras versões, em 1908), quando trabalhadoras ocuparam uma fábrica, em protesto contra as más condições de trabalho, onde as mesmas reivindicavam melhores condições de trabalho, tais como, redução na carga diária de trabalho para dez horas (as fábricas exigiam 16 horas de trabalho diário), equiparação de salários com os homens (as mulheres chegavam a receber até um terço do salário de um homem, para executar o mesmo tipo de trabalho) e tratamento digno dentro do ambiente de trabalho.

A manifestação teria sido reprimida com extrema violência. Segundo essa versão, as operárias foram trancadas dentro do prédio, o qual foi, então, incendiado. Em consequência, cerca de 130 mulheres morreram. O outro acontecimento é o incêndio de uma fábrica, ocorrido na mesma data e na mesma cidade. Não existe consenso historiográfico quanto a esses dois fatos, nem sequer sobre as datas, o que gerou alguns mitos sobre esses acontecimentos.

Fonte: Valorização das mulheres

 Galeria de Fotos

 Outras Notícias

Horário de atendimento: das 7h30 às 11h30 e 13 às 17h

Última Atualização do site:   07/08/2020 16:45:31